Tanto as temperaturas baixas quanto as altas, podem ocasionar diversas doenças de pele. Devido a isso, a prevenção deve ser a principal arma para combater essas enfermidades, que podem colocar em risco a sua saúde e comprometer a sua aparência.

Atitudes simples podem evitar grandes transtornos, por isso é importante que você dedique-se a cuidar do bem-estar da sua pele.

Pensando em te alertar sobre esses problemas, escrevemos este artigo com o objetivo de apresentar as doenças de pele mais comuns e como preveni-las. Quer saber mais? Continue a leitura e confira!

Conheças as doenças de pele mais comuns

Para que você conheça melhor cada doença de pele, listamos abaixo as principais e explicamos como elas atuam no organismo e quais são os sintomas que cada uma pode causar. Acompanhe!

Acne

Quando os folículos da pele ficam obstruídos pelas células mortas e sebos, ocorre o desenvolvimento da acne. As bactérias que ficam localizadas nessa região geram a inflamação. Normalmente, a acne aparece nas costas, peito, ombros, rosto e pescoço.

Também existe a possibilidade do folículo abrir e escurecer, formando o que é chamado de cravo.

Portanto, é importante você saber que existem alguns fatores que podem aumentar o surgimento da acne, tais como:

  • medicamentos, como andrógenos e corticoides;
  • alteração de hormônios que estão relacionados à gravidez e métodos contraceptivos orais;
  • consumo excessivo de batatas fritas, pães, biscoitos, dentre outros alimentos ricos em carboidratos.

A acne pode deixar muitas cicatrizes na pele, principalmente, quando as lesões são grandes e profundas.

Psoríase

A psoríase é uma doença de pele que desenvolve lesões descamativas e avermelhadas. Normalmente elas aparecem no couro cabeludo, joelhos e cotovelos. Porém, é importante ressaltar que ela também pode se expandir para a região genital, assim como nas unhas, mãos e pés.

Ainda a ciência não descobriu quais são as causas da psoríase. O que se sabe até agora é que as células T (presentes no corpo do ser humano) atacam as células da pele que estão saudáveis.

Devido a isso, os vasos sanguíneos se dilatam e o número de glóbulos brancos aumenta, avançando para as camadas externas da pele, desenvolvendo as lesões avermelhadas. Essa doença só é eliminada com o tratamento adequado.

Vitiligo

Normalmente essa doença acarreta o surgimento de manchas pelo corpo inteiro. Isso porque ela provoca a perda da pigmentação da pele de maneira gradativa. Qualquer parte do corpo pode ser comprometida, inclusive, os olhos, cabelos e interior da boca.

O vitiligo não é contagioso e pode acometer qualquer pessoa, porém, torna-se mais perceptível naquelas que têm a pele mais escura.

Por mais que essa doença não coloque a sua vida em risco, ela pode afetar a sua autoestima, podendo dar chance para o surgimento de outras doenças psicológicas, como a depressão.

Existem alguns tratamentos que auxiliam a restaurar a pigmentação da pele, porém, os resultados são imprevisíveis, pois variam de pessoa para pessoa. Portanto, somente um especialista pode indicar qual é o melhor tipo de tratamento.

Dermatite atópica

A dermatite atópica desenvolve erupções que provocam coceira e apresentam crostas, as quais, na maioria das vezes, surgem atrás dos joelhos e nas dobras dos braços.

A causa dessa doença de pele também é desconhecida, mas especialistas acreditam que a combinação do mau funcionamento do sistema imunológico com a pele irritada e seca podem ser consideradas como as causas mais prováveis.

Dentre seus principais sintomas estão:

  • alterações na cor da pele;
  • inflamação ou vermelhidão ao redor das bolhas;
  • áreas espessas na pele que podem ocasionar coceiras e irritações prolongadas;
  • sangramentos ou secreções da orelha.

Saiba como preveni-las

Agora que você já conheceu quais são as doenças de pele mais comuns, é importante saber como preveni-las. Confira as dicas que separamos para você!

Consulte seu dermatologista periodicamente

Independentemente do grau da doença de pele, um dermatologista sempre deve ser consultado, pois somente ele tem o conhecimento necessário para indicar o melhor tratamento para cada caso específico.

É importante destacar que esse profissional não deve ser procurado somente quando a doença aparecer, muito pelo contrário! Se você quer preveni-la, a visita periódica ao dermatologista é o principal passo.

Ele ajudará a manter a aparência da sua pele bonita e saudável, oferecendo o melhor tratamento e indicando os melhores produtos para você utilizar.

Use protetor solar

A maioria das pessoas usam o protetor solar somente para ir à praia, mas esse é um erro muito grande. O protetor solar deve ser usado diariamente, mesmo quando você não vai ficar exposta ao sol.

O uso do protetor evitará que você sofra queimaduras, diminui as chances de desenvolvimento de sardas e manchas na pele, preservando a produção de elastina e colágeno, eliminando os riscos de desidratação e desenvolvimento de câncer de pele.

Ele deve ser aplicado, pelo menos, 30 minutos antes da exposição ao sol e sua renovação deve ser realizada a cada 3 horas.

Alimente-se adequadamente

A alimentação adequada também tem um papel fundamental para prevenir as doenças de pele. Algumas vitaminas não podem faltar na sua dieta. A vitamina C, por exemplo, neutraliza os efeitos dos radicais livres, os quais agridem o organismo e provocam o envelhecimento precoce.

A vitamina E melhora as paredes dos vasos sanguíneos presentes na pele, deixando-os mais oxigenados e irrigados.

O chá-verde também protege contra a radiação UV, pois as substâncias presentes nessa bebida agem contra o fotoenvelhecimento.

Hidrate-se

Para que a sua pele mantenha-se limpa e hidratada é importante que você acostume-se a tomar dois banhos diários.  Além disso, a ingestão de, pelo menos, 2 litros de água por dia também é essencial para manter uma pele saudável.

A água só traz benefícios para pele. Dentre os principais estão:

  • diminuição da celulite e rugas;
  • prevenção de inchaços;
  • evita o envelhecimento precoce;
  • melhora a aparência.

Seja qual for a estação do ano, os cuidados com a pele são essenciais para garantir que ela permaneça linda e saudável. Portanto, é de suma importância que você fique atenta a cada uma das dicas deste artigo e coloque-as em prática no seu dia a dia. E lembre-se: a visita ao dermatologista precisa ser constante, pois somente ele poderá identificar possíveis doenças de pele que podem prejudicar o seu bem-estar.

Gostou do nosso post? Restou alguma dúvida? Quer compartilhar suas experiências com a gente? Deixe tudo nos comentários!

Autor

Escreva um comentário

Agende sua consulta
Share This