Há muitas pessoas que estão com o corpo enxuto ou não negam a sua silhueta um pouco mais cheinha, entretanto, se incomodam com o queixo flácido. E, como a tecnologia está sempre se renovando, agora existe a criolipólise também como tratamento para queixo duplo.

Com a ponteira certa para a região, as sessões podem durar entre 45 minutos e 1 hora e meia, colocando a área de aplicação a uma temperatura de até -11°C.

Ainda que exercícios faciais ou cremes específicos consigam ajudar nessa situação, os tempos modernos trazem alternativas para otimizar esse tempo, principalmente para quem possui uma vida corrida.

Sendo assim, principalmente para quem perdeu muito peso e está sentindo incômodo com a papada, o procedimento aparece no mercado para oferecer o contentamento com a aparência em um curto prazo e de modo não invasivo.

O que devo saber sobre esse procedimento?

A criolipólise na papada funciona por meio do congelamento das células de gordura, que são eliminadas aos poucos pelo sistema linfático.

Sendo assim, os resultados surgem ao longo de 90 dias, o que requer paciência de quem recorre ao tratamento.

Sem o uso de bisturis ou quaisquer meios que deixem cicatrizes, hoje é considerada uma das maneiras mais eficientes para essa finalidade.

Os efeitos, que aparecem gradativamente, mostram a redução do queixo duplo, o enrijecimento da pele e a firmeza no local. E isso graças à formação de novas fibras de colágeno que o próprio corpo produz naturalmente, revelando a cada dia uma grande melhora ao se olhar no espelho.

Para potencializar ainda mais o procedimento, posteriormente é recomendado associá-lo aos ultrassons microfocados, que darão ainda mais rigidez à cútis e garantir ao máximo os resultados.

Isso, claro, sempre ressaltando que cada caso é único, e tanto a quantidade de pele flácida quanto as particularidades de cada pessoa podem fazer com que umas percam mais papada do que outras.

A criolipólise pode diminuir entre 30% e 40% da gordura localizada abaixo do queixo, com os sinais de melhora surgindo a partir de três semanas após o tratamento.

Os hematomas são raros, já que o próprio resfriamento ajuda a anestesiar o local e a diminuir a dor. Porém, caso surjam, costumam sumir em poucos dias e o próprio profissional indicará pomadas especiais para que essas manchas sumam o mais rapidamente possível.

Geralmente uma única sessão já é o suficiente para a eficácia dos resultados. Contudo, se após o período certo e as técnicas pós-procedimento indicadas pelo profissional ainda não mostrarem a aparência tão desejada pela pessoa, o especialista é quem avaliará a situação e recomendar o que pode ser feito para aperfeiçoar ainda mais a redução da pele flácida no local.

Como é feito esse procedimento?

Sempre levando em conta que você deve procurar uma clínica confiável e com profissionais da área de saúde para fazer o tratamento ou acompanhar a sessão, a criolipólise segue esses passos:

  1. aplicação do gel: uma espécie de manta umedecida com produto específico, que parece uma grande atadura, é posicionada no local para proteger a pele. Depois, o aparelho é colocado na área a ser tratada, que fazerá a sucção e esfriar a região. O tempo necessário para congelar a gordura localizada varia de acordo com a potência do aparelho e da avaliação do especialista;
  2. congelamento: a gordura se cristaliza e as células adiposas morrem, sendo eliminadas naturalmente pelo sistema linfático;
  3. massagem: depois da sessão, é feita uma fricção local para unificar a área tratada, que permanece gelada por cerca de duas horas após a aplicação.

É aconselhável realizar ao menos uma sessão por semana de drenagem linfática, ultrassom ou pressoterapia, pois, juntamente à criolipólise, eles facilitarão na eliminação da gordura e também agilizar o aparecimento do resultado.

Embora não sejam comprovadas cientificamente que as associações com outros tratamentos estéticos melhorem os efeitos, ainda assim a drenagem é imprescindível, já que ela ajudará na dissolução das células adiposas e, consequentemente, na excreção delas.

A criolipólise como tratamento para queixo duplo é segura?

Essa técnica é confiável a partir do momento em que você procura por uma clínica confiável, com profissionais gabaritados e aparelhos que possuam certificados, assim como a manutenção correta deles.

Caso contrário, se o equipamento estiver desregulado, ele pode causar alguns danos mais drásticos, além da ineficiência dos resultados. Entre eles, estão queimaduras de 2º e 3º graus, as quais necessitam de tratamentos médicos para a reversão das sequelas.

A aplicação deve ser feita acima da tireoide, para não ocasionar riscos a quem possui hipotireoidismo ou hipertireoidismo.

Contudo, a criolipólise é contraindicada para pessoas com crioglobulinemia ou doenças de pele, já que o método usa o resfriamento e essas enfermidades estão relacionadas ao frio.

Quem não pode fazer?

  • pessoas com obesidade;
  • pessoas com excesso de peso;
  • pessoas com hérnia na região a ser tratada;
  • mulheres grávidas ou amamentando;
  • pessoas com diabetes, devido às alterações na sensibilidade da pele.

O que diferencia a criolipólise de outras técnicas?

Essa é uma questão que muitos se fazem e a melhor resposta é a de que ela foi desenvolvida exatamente para pessoas com a vida corrida, que nem sempre conseguem tempo para atividades físicas ou alimentação balanceada.

Além disso, é um método não invasivo, permitindo a rotina normal logo após o procedimento, sem necessidade de repouso, afastamento médico por conta de possíveis complicações ou até mesmo marcas e cicatrizes.

E são essas facilidades que fizeram com que ela chegasse também na redução das papadas.

O aplicador tem tamanho, forma e curvatura desenvolvidos para locais finos e pequenos, sendo uma alternativa segura, eficiente e rápida para o tratamento do indesejável queixo flácido, que era uma gordura considerada difícil de ser removida até então.

Sendo assim, quem quer deixar o rosto mais uniforme, retirando esses excessos que tanto incomodam e sem precisar de cirurgia plástica, agora podem fazer isso de maneira segura e prática!

Pessoas que se olham no espelho e gostam do que veem são de bem com a vida, se sentem mais seguras e confiantes em todos os aspectos da vida. Então, por que não tentar?

Se você está à procura de tratamento para queixo duplo, entre em contato conosco. Certamente, você só tem a ganhar com isso!

Autor

Escreva um comentário

Agende sua consulta
Share This